Páginas

domingo, novembro 12, 2006

Era um domingão ...


"Era um domingão
Tinha muito sol
Meu avô na frente
Minha avó atrás
Tudo num fuscão
Que legal ..."

Essa é uma estrofe de um pop antigo (não me lembro o nome da banda).
Num tom debochado, fala da mesmice e dos meandros particulares da felicidade alheia.
Hoje tive um domingo gostoso, repleto de pequenas indulgências (como diria Jaime Troyano).
Dormir até tarde, café da manhã farto e preguiçoso, boa companhia, arte grega, batatas fritas do Fifties e tempo para mim. Tudo decidido em real time, ao sabor da vontade.
O próximo domingo será diferente. Ou não. Mas será bom ... ou não.
Mas será.

4 comentários:

Ti Bell disse...

Flávio,

Ao ler sua mensagem, me lembrei de um trecho de uma música do Rappa...

... "as grades do condomínio
são pra trazer proteção,
mas também trazem a dúvida
se é você que está nessa prisão...
me abraça e me dê um beijo
faça um filho comigo
mas não me deixe sentar numa poltrona
num dia de domingo"...

udi disse...

o nome da banda era Língua de Trapo? ...ou Premeditando o Breque?
adoro essas suas certezas de que as coisas podem... ou não

Flavio Ferrari disse...

Udi: a música é do Wandi Doriatiotto, do Premê, e se chama Fim de Semana.
E essas certezas não são minhas, são do mundo, como bem aponta a letra da música do Rappa que a Ti Bell comenta ...

Glaura disse...

Só espero que dentro do Fuscão não haja o perfume de Contouré!
Voltei!
Beijos