Páginas

quinta-feira, outubro 26, 2006

Informação e entretenimento ...


Eis-me aqui em mais um congresso da ESOMAR, desta vez o latinoamericano, que acontece no Rio de Janeiro.
A frequencia até que está razoável para essa época do ano. As palestras é que são um problema. Até agora, nenhuma que envergonhasse o palestrante. Algumas poucas são realmente muito boas. Mas a maioria, como em todos os congressos de que tenho participado, não vale a viajem.
Realmente acho que quem vai preparar uma apresentação deveria levar em conta, no mínimo por respeito à audiência, que tempo é um bem precioso.
Se recebemos a honra de apresentar nossas idéias, devemos retribuir com uma contribuição relevante e, se possível, agradável.
O público espera, merece e paga por isso: informação relevante e entretenimento. Se a informação não for tão relevante assim, pelo menos que a apresentação seja interessante, divertida, relaxante. Isso é sempre bem vindo em meio a uma série de "papers" mais técnicos.
Mas como no meio acadêmico a informalidade é mal vista e ser sério é quase sempre sinônimo de ser chato, há que se conviver com alguns (muitos) chatos irrelevantes.
Pode parecer uma certa arrogância intelectual da minha parte. Mas não é.
Já fiz muitas apresentações durante minha vida profissional. E por mais que me esforce quase sempre termino a apresentação com a sensação de que não foi tão relevante quanto gostaria. Felizmente, alguns feedbacks positivos ajudam a elevar a auto-estima nesse ponto.
Mas sempre cuido para que sejam agradáveis, divertidas ou instigantes. Se não conseguir contribuir com algo novo, pelo menos ofereço um momento de relaxamento, de bom humor ou de estímulo ao pensamento, preferivelmente tudo junto.
E, se por um lado, oferecer informação nova e relevante é um desafio cada vez maior, por outro, ser agradável está ao alcance de todos.

5 comentários:

Glaura disse...

Quando eu crescer, quero poder fazer coisas assim...
O problema é que é tão difícil...

Flavio Ferrari disse...

A dificuldade está dentro de você, gafanhota ...

Cátia Isotton disse...

Quisera mais palestrantes compartilhassem deste seu espírito irreverente, jovial, que transparece em suas palestras, ou mesmo nas “atuações teatrais” que tive o privilégio de ver e compartilhar. Com certeza ressoaria com maior eficácia. O grande problema é que muitos esquecem que para informar ou formar opiniões, plantar idéias, é primordial entreter, envolver, ganhar a atenção para se produzir alguma reação. Ação e reação. Podemos até fazer uma brincadeira com a palavra INFORMAÇÃO (sem querer subjugar o mestre, é claro!): IN + FORMA + AÇÃO = IN, podemos dizer que derivado do inglês (dentro, interno), simbolizando a introdução, tornar interno, abrir campo para a FORMA. Esta, por sua vez, com a conotação de conteúdo ou algo que se manifesta, que se irá expor; e, finalmente a AÇÃO, para a qual eu diria a maneira como se é passada a mensagem. Naturalmente, das três partes desta palavra eu daria um peso maior à última, por tudo o que citei acima. O que acha deste meu devaneio, desta “idéia” da divisão desta palavra, como forma de orientar alguns palestrantes chatos ou cansativos? (Rsrs)

Flavio Ferrari disse...

Adorei o "desmanche" da palavra. Eu, particularmente, adoro instigar, provocar a ação. E gosto de ver isso como uma contribuição.
É muito bacana encontrar uma parceira disposta a cometer pequenas ousadias para esse nobre fim. Creio que ajudamos algumas pessoas a re-pensarem a "seriedade" da vida.

Unknown disse...

網頁設計 網路行銷 關鍵字廣告 關鍵字行銷 餐飲設備 製冰機 洗碗機 咖啡機 冷凍冷藏冰箱 蒸烤箱 關島婚禮 巴里島機票 彈簧床 床墊 獨立筒床墊 乳膠床墊 床墊工廠 產後護理之家 月子中心 坐月子中心 坐月子 月子餐 銀行貸款 信用貸款 個人信貸 房屋貸款 房屋轉增貸 房貸二胎 房屋二胎 銀行二胎 土地貸款 農地貸款 情趣用品 情趣用品 腳臭 長灘島 長灘島旅遊 ssd固態硬碟 外接式硬碟 記憶體 SD記憶卡 隨身碟 SD記憶卡 婚禮顧問 婚禮顧問 水晶 花蓮民宿 血糖機 血壓計 洗鼻器 熱敷墊 體脂計 化痰機 氧氣製造機 氣墊床 電動病床 ソリッドステートドライブ USB フラッシュドライブ SD シリーズ