Páginas

segunda-feira, fevereiro 14, 2011

Para mudar o mundo ... (pensamento da noite)

Talvez você não possa mudar o que acontece num momento, mas pode mudar sua atitude e, com isso, gradativamente mudar o que virá a acontecer.
Um exemplo simples:  você encara os momentos dificeis como "vítima", se acostuma com essa atitude e acaba atraindo todos os que gostam de vítimas.  Isso acaba fazendo parte de sua identidade.  Você passa a ser uma vítima por opção e segue assim pelo resto da vida.
Nossa visão do "mundo lá fora" é uma projeção de nós mesmos.
O mundo é assustador porque temos medo, não o contrário.
Creio que não preciso me extender em exemplos negativos e positivos...
Para mudar o mundo, você precisa mudar.

9 comentários:

e daí? disse...

rs, terapeutico, logo cedo...Bom dia!
bj

Batom e poesias disse...

Você anda muito sério de novo.
Tá bravo, tá?

:D

bjca

Rossana

Tathiana disse...

Hum... Talvez nos aceitarmos seja um bom primeiro passo. Pelo menos é pra mim.
BJs.

Nanda Assis disse...

otimo consolo, ops, conselho.

bjos...

Anne M. Moor disse...

Flávio

Dá um pulinho la no Life... Living... Será que foi transmissão de pensamento?

bjos
Anne

A. Marcos disse...

Sei lá, isso me parece bastante subjetivista, como se o mundo fosse apenas uma projeção nossa e ponto. Um quase MATRIX (e o primeiro filme da trilogia foi baseado na idéia religiosa e filosófica de que o mundo é uma ilusão).

Eu ainda pefiro a idéia de que nosso modo de agir é, antes, reflexo daquilo que somos (genéticamente) somado aos estímulos externos, ou seja, ao que o mundo nos impele a ser (piscológicamente).

Paulinha Costa disse...

Quando você muda a perpectiva, o olhar, o foco, tudo muda também...

Denise Fernandes disse...

O problema é a atitude ou a falta de, como "acostumar-se" na posição de vítima?

Sentimental ♥ disse...

ô, se é.

essa foi a temática do café da manhã.