Páginas

sexta-feira, fevereiro 13, 2009

Aldeia Acolhedora

Já contei a história, creio que comemorando o primeiro ano do Arguta, de como se formou nossa Blogaldeia. Começando pelo Arguta e o Assertiva (do Ernesto), gradativamente incorporando amigos do mundo real e do virtual. Alguns, encorajados, começaram seus próprios blogs. Outros, menos disciplinados na escrita mas fiéis na leitura, agrupando-se em torno do blog coletivo, o Prozac, espaço que o Ernesto gentilmente criou para isso.
Depois de pouco mais de um ano de sucessivos happy hours no Genial da Vila Madalena (nosso QG), todos haviam se encontrado pelo menos uma vez, incluindo os mais distantes.
Coisa meio incomum nesse novo mundo pós-internet.
E a aldeia foi crescendo devagar, como uma pequena cidade do interior.
Eis que começa 2009, e nossa aldeia ganha ares de cidade turística.
E como é uma aldeia acolhedora, os visitantes vão ficando e se espalhando pelas moradas e cafés.
Luana Ferraz e Bruna do nordeste, Marcos, Gabrielle, Cris Animal, Fernanda, Renato, Aluisio, Tata, Marcela, Simone, Tais, Luana B. e Zinho (a maioria de SP e alguns não sei de onde), a Teresa Castro do RJ, a turma do sul como a Carla (companheira de café), o Pedro Luso, Luciane, Nina, Jan e Flavia (recém instalada no Paraná), a Babi de Cuiabá, a Cris Fonseca de Uberaba, a Filipa, que com esse nome só poderia ser de Portugal, a She do México, só para citar os visitantes frequentes mais recentes (e antecipadamente peço desculpas porque sempre esqueço de mencionar alguém).
Certamente, todos temos algo em comum, ou não estaríamos por aqui.
Espero que, com o tempo, como aconteceu com nosso grupo original, vínculos se formem e esse novo grupo de gente bacana permaneça por aqui.
E que, ainda em 2009, tenhamos o prazer de realizar um grande encontro lá no Genial para, como disse a Anne um dia (chegando de Porto Alegre) , se reconhecer.
Encontrar amigos é um dos maiores prazeres da vida.

ps - tinha me esquecido da Plumma de Belém e da Francine de Sampa.

19 comentários:

Suzana disse...

Nossa F.F.,que lindo!
Uma das melhores virtudes do Homem e rara, creio ser o reconhecimento.
Miaste lindamente!
bjs

Eu® disse...

Brigadim pelo chamego!
Sempre achei mais-que-acolhedora essa idéia, pq muitas vezes nossas afinidades sao maiores com os amigos virtuais, do que com os reais...
Bj na alma!

A.Tapadinhas disse...

É realmente uma Blogaldeia muito acolhedora, com a vantagem de todos se conhecerem, e sem os inconvenientes das cidades para turistas: confusão, barulho e filas para tudo...
Abraço.
António

Amanda Arthur disse...

É pra cá que venho quando estou com saudades de uns, querendo ver o que gente bacana tem a dizer.
Depois dizem que as relações virtuais são frias... Tão quentinho por aqui!
Tô dentro do grande encontro no Genial! Pego minha malinha e me mando pra sampa!
Beijo!

Ti disse...

Como alguns ja sabem gosto muito mais do mundo real, principalmente qdo acompanhado de uma boa cervejinha!!

Mas conviver com vcs tem sido realmente muito surpreendente!!

Flavio,

Parabens pelo grande feito!

Beijos

Udi disse...

gentileza gera gentileza
cordialidade atrai cordialidade
quem acolhe é acolhido

Viu só, Mago?
;)

Jan disse...

Encontros não virtuais!
Que ótimo!
Vou desde já avisar a máquina fotográfica, o namorido e a mochila.

Indiada e turistear é com a gente!
Posso levar meus 5 gatos?
=B

Se não der para levar tudo, derrepente arranjo um cantinho na mala da Anne querida e vou encolhidinha.

^^
Hohohoho...

Érica Martinez disse...

" A GENTE NÃO FAZ AMIGOS..."

Anne M. Moor disse...

FF, Cheguei de Pelotas :-)

A blogaldeia que se formou é uma delícia... Ainda estou esperando um encontro aqui no sul...

Beijos :-)

Flavio Ferrari disse...

Suzana: é fácil quere quando se é querido ... tks

Flavio Ferrari disse...

Cris (de Vienna): feliz aniversário aqui da turma da aldeia.

Flavio Ferrari disse...

Tapadinhas e Anne: falta a reunião anual nos lugares com P (Pelotas e Portugal)

Flavio Ferrari disse...

Amanda mãe: com filhote ficou mais distante ... mas a gente sempre se lembra de você com carinho.

Flavio Ferrari disse...

Ti, querida: e viva a realidade, principalmente quando é um sonho.

Flavio Ferrari disse...

Udi: um chamego no joelho ...

Flavio Ferrari disse...

Jan: eu adoro gatos, pode trazer. E o marido também... Ele não é blogueiro ?

Flavio Ferrari disse...

Érica esperta: é por isso que eu disse "encontrar"...

Tecnenfermaginando disse...

oi, flávio

essas aldeia tá se transformando em grande centro

sem as desvantagens de consgestionamentos no trânsito e violência

mas não é exatamente isto que almejamos?

em criar laços de amizade e ternura?

bom domingo!

Jan disse...

Namorido não é blogueiro.
^^
Vive dentro do Pc, mas digitando números e símbolos que eu não entendo.
=B
É analista de sistemas.

Quem gosta da parte social da net sou eu.
Hehehe.

Sobre os bebês gatos eu estava brincando. Não que não gostaria de apresentálos a vocês, só que com uma viagem dessas, iam chegar aí em estado de choque. Deixo eles com alguém querido.

=)


Não duvide que a gente apareça, gostamos mesmo de viajar, mas concordo com a Anne, tem que ter encontro por aqui, até pq eu tmb estou com saudades de gente daqui. Moramos no mesmo estado, mas o tempo é tão curto...

Abraços!

Ah, dei um selo para ti!
Olha lá no potivista.^^