Páginas

quinta-feira, agosto 10, 2006

O lado negro da Internet

Uma materia publicada no site do Terra de hoje conta a história de um jovem de 16 anos de Porto Alegre que se suicidou orientado por freqüentadores de um fórum de discussão virtual.
O jovem havia anunciado a intenção em seu blog e compartilhou cada momento derradeiro com seus “amigos” internautas.
Vai ter muita gente voltando a criticar a Internet por conta disso.
Fato é que, embora a existência da Internet possa ter facilitado a ocorrência da tragédia, obviamente não pode ser responsabilizada por isso.
Como facilitadora da conectividade, a Internet potencializa a comunicação entre pessoas.
Quem a pinta de negro são alguns poucos internautas ...

5 comentários:

Gui Ferrari disse...

que nem aquela história dos caras que jogavam RPG e mataram uma menina... acho que foi no sul do brasil... agora naum me lembro.... mais as pessoas vaum culpar a internet e agte nun vai dar bola mesmo...

Flavio Ferrari disse...

Bem vindo Guilherme...
Como bom msstre de RPG viveu na pele o preconceito contra o "jogo do diabo" naquela ocasião.
Mas lembro aos leitores que, inspirado pelo Gui, fiz um post defendendo o RPG, que me parece um excelente treinamento para gestores ...

Glaura disse...

Em tudo há aqueles que obscurecem as práticas. Também há sempre aqueles que destroem com seu preconceito, utilizando-se da oportunidade que alguns maus praticantes lhes dão. Quem nunca sentiu na pele não sabe que isso pode até ser uma oportunidade de melhorar, suplantando-se a péssima imagem que se tentou generalizar. Desejo coragem aos bons praticantes...

Lester disse...

Culpar a Internet pelo ocorrido seria igual a culpar a General Motors pelos acidentes de trânsito...coisa de gente que não pensa. Infelizmente, gente assim não falta.

Flavio Ferrari disse...

Benvindo ao Arguta, caro Lester ...