Páginas

terça-feira, outubro 28, 2008

A mão que balança o berço


A mão que balança o berço
Desde cedo, imagino
Logo determina o preço
A pagar ao destino

8 comentários:

Ti disse...

Desde cedo mesmo... 6h41!!! Espero que seja um preço justo para o dia de hoje!!

Amanda Arthur disse...

É... Profundo isso! Fez-me pensar.
E, Ti, 40 e 1?! Curioso com passamos a dar valor a cada minutinho de sono. Nem um a menos, nem um a mais.

Udi disse...

“A mão que balança o berço...

é a mão que governa o mundo”

Flávio, pára de me assombrar!

Suzana disse...

A mão que balança o berço
é a mãe que reza um terço
por saber que , neste mundo,
cada um tem seu preço.

Glaura disse...

Só que o preço será pago, por aquele pequenino!!!

A.Tapadinhas disse...

The Hand that Rocks the Cradle, em português "A mão que embala o berço"...
abana,
embala,
o mesmo terror,
palavras diferentes:
não há acordo ortográfico que nos valha!
:)
Abraço.
António

Flavio Ferrari disse...

É sempre o pequenino que paga o preço.
Ainda que o embalemos de apreço.

Suzana disse...

Pois é,
Voltamos ao começo!
bjs