Páginas

sexta-feira, outubro 24, 2008

Você se orgulha de quê ?

A foto acima é do Bazar Grande (Kapali Çarsi) de Istambul. Algo parecido com o Mercado Modelo de Salvador, ou o Mercado Municipal de São Paulo combinado com a Rua 25 de Março.
Passear pelas ruas de Istambul, sem um guia turístico, perdendo-me pelas vielas atopetadas de homens que havam recém deixado as Mesquitas, me fez pensar num traço específico da diferença de cultura.
Imagine-se num dia em que você se sente orgulhoso por suas realizações.
Você encontra os amigos no bar ou sua família em casa e o que é que você vai contar ?
Ou seja, qual é a atitude, comportamento ou conquista que te deixa orgulhoso ?
Vender por $50 algo que lhe custou $5 ?
Enganar um turista adulterando um taximetro ou trocando com agilidade (fruto de muito treino) a nota que ele lhe deu ?
Arrastar sua mulher pela rua, aos safanões e gritando, enquanto ela chora copiosamente, deixando claro para todo mundo quem é o homem da casa ?
Quais são os talentos que você valoriza, que você respeita ?
Pois é ... os valores mudam, de cultura para cultura.

13 comentários:

Amanda Arthur disse...

Putz... Você presenciou isso tudo aí?

Anne M. Moor disse...

Respeito... e doação...

Amanda Arthur disse...

Ah! Sim... Fiquei tão tocada pelo post que acabei não pensando na resposta pra pergunta.
Respeito, solidariedade, desprendimento.

Glaura disse...

Uma vez cheguei em casa super feliz por ter ajudado uma mulher com um bebê de colo a sair do carro com suas múltiplas sacolas, bolsas, carrinho...e o bebê chorando! Achei que estava fazendo um retrocesso ao tempo em que tinha necessitado ajuda na rua e não tinha conseguido... foi simples e forte!
Tomei uma bronca por te me intrometido na vida alheia!
Há dentre nós mesmos diferenças de culturas e valores!
Anne: admiro seus valores!

Anne M. Moor disse...

Glaura:
Obrigada! Acho que nossos valores vão se construindo ao longo de nossas vidas por força das circunstâncias. Como professora, sempre tive muito contato com gente e aprendi que "respeito é bom e eu gosto" e me doar dá um prazer imenso... Gosto de fazer para e com os outros o que gostaria que fizessem comigo...

A próxima vez que eu for a SP quero te conhecer :-)
Bjos

Udi disse...

Sem querer ser chata, a mim parece que a única diferença entre cá e lá é que lá essas "coisas" são praticadas à luz do dia, em público.

Sobre sentir-me "orgulhosa" (tanto quanto é permitido a uma yoguini "desprendida" do ego) fico feliz por conseguir ir ao trabalho num transporte coletivo e, conseguindo sentar, oferecer-me para segurar uma sacola pesada de alguém que está em pé.

Udi disse...

E também me orgulho de ter filhos e amigos maravilhosos!!!
:)))

(em véspera de eleição, é sempre bom a gente marcar uma presença assim, né?)

Udi disse...

Afe! Acabo de descobrir que tenho uma lista enoooorme de coisas minhas que me agradam...
Obrigada pela oportunidade.

(mas não vá perguntar do que me envergonho porque, decerto, a lista também não será pequena)

Glaura disse...

Udi,
me orgulho de merecer sua amizade!
Me orgulho do meu irmão!
Me orgulho do meu sobrinhão e de ter um lugar no coração dele, tão seletivo!

Suzana disse...

A Gal já disse isso.Tudo é relativo aos bons costumes do lugar.

bjs

Suzana disse...

Valorizo muuito o respeito ao outro.
Se não entende, respeite.Por ai...

Flavio Ferrari disse...

Eu presenciei sim, tudo isso e mais um pouco ...

Ernesto Dias Jr. disse...

Por isso não viajo mais para lugares assim. Prefiro a Alemanha que, como você bem sabe, tem um passado doce como uma lata de leite condensado.