Páginas

sexta-feira, março 13, 2009

Memórias e Sonhos

Somos feitos de memórias e sonhos.
Entre eles, as decisões cotidianas.
Quase sempre, tomamos decisões consultando a memória de nossas experiências e não as expectativas dos sonhos.
A vida vai passando, colecionamos memórias repetidas e o espaço para os sonhos vai ficando menor.
Gradativamente, somos obrigados a abrir mão deles. Já não cabem na vida que nos resta.
Sugestão da noite: que sua próxima decisão seja na direção de seus sonhos, não de suas memórias.

33 comentários:

Janaina Brum disse...

Com certeza, Flávio, acabei de tomar uma decisão muito importante!
Sempre bom passar por aqui! Um beijo no coração, Jana

Janaina Brum disse...

Ei, ei, sr. Flávio, esperar não é comigo, não!!!

Janaina Brum disse...

Não é crítica, não, Flávio! Tua escrita me intriga tanto e me vicia (como o café que tomo todos os dias) que tenho que te provocar!

Ti disse...

Meu maior sonho é ter uma deliciosa memória... Olhar para trás e dizer, vivi muito bem meus últimos anos!!!

Construo o meu presente com este objetivo e, quer saber?? Tem dado muito certo!!

Beijos

Camisinha.com disse...

gosto de arrancar meu passado à força,
porém com a mesma delicadeza e amor, de quem está a parir um filho,

ou a escrever um livro...

já dizia alguém...

"meu passado me condena, meu futuro me redime"

idiota?

não sei.

bom dia, flávio.

Érica Martinez disse...

inspiradíiiissimo!
pena que sonhei com o Ronaldinho esta noite...

Flavio Ferrari disse...

Janaina: espero que a decisão tenha sido boa e pode criticar sempre. Se bobear, vira post.
Estou aqui para intrigar mesmo...
Quem espera sempre alcança
Quem não espera
Enche a pança

Flavio Ferrari disse...

Ti: sou testemunha de que tens dado muito certo.

Flavio Ferrari disse...

Teresa: no meu caso, espero que o passado me redima...

Anne M. Moor disse...

FF, I love you!!!! Idéia muiiiiiiiiiiiito boa. Acho que os sonhos deveriam povoar nossas vidas com insistência...

Beijos

Udi disse...

FF: com os sonhos que tenho sonhado, cê me vem com uma idéia dessas?! (...hihihi! ...aquela risadinha, sabe?)

Udi disse...

FF: agora falando sério (sei que num é prá tanto, mas...).

"É preciso sonhar, mas com a condição de crer em nosso sonho. De confrontar a realidade com o nosso sonho e realizar, escrupulosamente, a nossa fantasia"

Ganha um doce que souber de quem é esta frase (está reproduzida de memória... memória de um sonho).

beijo e obrigada por induzir à meditação.
;)

Joéliton disse...

Texto maravilhoso;;;;;

abraços e um bom FDS

Amanda Arthur disse...

Quando se tem uma criaturinha dando seus primeiros passos por perto, o sonhar se torna constante e natural. O horizonte se alarga quando olhamos com os olhos de nossos filhos...
Felizmente, o momento de vida pede que as decisões sejam tomadas considerando mais os sonhos que as memórias. Tenho tirado proveito disso...

Nada Mais que eu Mesma disse...

Passando para agradecer os comentários, adorei este outro blog.
Bjos

A Flor do Sul disse...

Lindo.
Adoro passar por aqui, e nunca me arrependo.
Se a gente ficar pautando as nossas decisões sobre o futuro pensando no passado, o futuro vai ser muito pouco criativo...
Parabéns, tu és um cara inteligente.

Maria disse...

Vida(...),
não para de passar.
enorme loucura,
festivais sujeitos a serem reais.

Maria disse...

Vida(...),
não para de passar.
enorme loucura,
festivais sujeitos a serem reais.

Cris_do_Brasil disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cris_do_Brasil disse...

Nada que um diva não resolvesse, principalmente para quem já quebrou a cara uma vez e agora faz pacto com a razão não vivendo mais as emoções sem ser dosadas, vivendo os sonhos.

Flavio Ferrari disse...

Anne: viva os sonhos !

Flavio Ferrari disse...

Udi: você ainda não contou qual foi o sonho, logo, não posso opinar. Não sei de quem é a frase, mas não sou muito chegado em doce mesmo ...

Flavio Ferrari disse...

Joéliton: tks e bom fds fyt.

Flavio Ferrari disse...

Amanda: que bom que está sonhando gostoso ...

Flavio Ferrari disse...

Mara: você é bem vinda em todos eles ... bj

Flavio Ferrari disse...

Abdoul: tks e boa sorte na nova vida ...

Flavio Ferrari disse...

Maria: se é real, ninguém sabe ... importante é que seja bom.

Flavio Ferrari disse...

Cris: seu comentário explica muito do tom do seu blog. bj

Cris_do_Brasil disse...

Flavito,
sou um café completo, meu blog já teve muitos ´tons`. Se ler de cabo a rabo, vai ver. Continuará tendo muito provavelmente.

E a observação do primeiro coment foi baseada em palavras suas, veja:

´fui nocauteado uma única vez até hoje, bem na hora em que abaixei a guarda. Traumático, mas sobrevivi. Continuo vivendo mais tempo com a guarda baixa do que ao contrário. Mas agora um pouco ressabiado ...`.

Mas sempre há o risco de más interpretacoes.
Desculpe se li, mas sou leitora, leio tuuuuudo.

Udi disse...

Cris, creio que suas opiniões sobre o Flavio estão equivocadas. Não conheço pessoa mais irracional (com todas as conotações positivas que esse termo pode ter) que ele.

Udi disse...

...seria mais fácil o Flavio resolver os problemas do divã que vice-versa! (...risos!)

Flavio Ferrari disse...

Cris_Brasil: sorry, achei que você estava falando de você mesma ... o que seria uma novidade ... bj

Luciane disse...

Que ótimo isso, Flávio! Decisões tem que estar baseadas nos sonhos, que são o futuro, e não nas memórias, que são o passado.